Almost Seven...


Olá minhas queridas leitoras e queridos leitores.

Gostaria de estar mais presente, mas TANTAS coisas (não tão boas...) aconteceram, que perdi qualquer ânimo de escrever aqui e da vida de Au Pair.

Daqui uns dias tento vir aqui contar de como é cuidar de adolescentes e etc. mas, no momento, venho aqui contar um pouco de coisas que estou sentindo e que gostaria de, aconselha-las, alerta-las do que pode acontecer neste ano de Au Pair. Afinal, é tão mais gostoso e fácil acreditar e sonhar que tudo será lindo, que aquelas fotos com bandeiras e bandeiras de EUA atrás de vc, mostra não só uma boa paisagem, como tbm uma vitória de ter conseguido chegar ali. Mas, tem a parte que não mostra de como é o VIVER durante a semana (já que FDS as au pairs geralmente fogem de casa, rs...) com a sua "linda, fofa" host-family.

Pessoas e famílias americanas boas existem? SIM! Mas, pelo o que vejo, escuto e vivo, vejo que a maioria não é aquela "Brastemp" o que significa estocar comida no quarto, pra não precisar socializar em um sábado de manhã, por exemplo. É aceitar lavar as roupas, cuecas e calcinhas da sua host family, sem receber nada mais por isso (principalmente, por não ser sua obrigação) - NÃO É MEU CASO, e ainda assim, ter quer colocar aquele sorriso de au pair de panfleto da Cultural Care numa segunda-feira no rosto, e que tudo tá lindo e vc feliz como nunca... #aham

Não quero desanimar ninguém, afinal, acho uma oportunidade incrível vir e viver em um outro país e recomendo todos os dias e todas as horas para qualquer um que me perguntar. Mas é sempre bom conhecer o outro lado da moeda, da história...

Como muitas sabem e devem ter lido, o que faz a au pair viver feliz mesmo aqui, são os dias que tem OFF. MEU CASO. Mas, nesse, nem tudo são flores, pesa muito durante esse processo, e, as vezes, de repente, a maior vontade que bate no coração, é de pegar o primeiro avião pra casa. MEU CASO - NESTE MOMENTO.

Precisamos de força pra seguir em frente, ser adulto e assumir as consequência do que vier por este caminho de 365 dias. Já me passou na cabeça tantas vezes querer ficar aqui por mais 6 meses ou 1 ano.... Mas, de repente, todo o sonho vira pó e minha vontade de continuar aqui vira 6 segundos, ou 1 milésimo...

Não sei se eu deveria estar escrevendo neste momento que estou meio deprê e cansada disso tudo, mas, acho bom vir mostrar que a vida não é cor de rosa aqui (não que eu pensasse, mas, há certas coisas que NUNCA imaginei passar aqui e estou passando =/ ). Que você precisa ser triplamente mais forte e determinada, se não, vc irá virar pó junto com os seus sonhos e objetivos...

Estou a alguns dias de completar 7 meses de EUA. QUANTA coisa já vivi... O que tem me "segurado" aqui ultimamente, é minha viagem pra Califórnia no fim do ano... Por que se não...

Bom, desculpe pelo post de chuva de verdades. Torço que encontrem uma boa família, ou que pelo menos, uma que te respeite, que é o mais importante.

Para não deixar o post em branco, algumas fotos dos únicos momentos felizes, que são os dias offs! rs...
Outono, Halloween, baladinhas, neve...

Beijos e até breve, se Deus quiser.
Ps. Obrigada pelos comentários... #inlove




















 Sauuudades do meu lindo... :(






Só assim pra não me sentir sozinha, dormir olhando pro meu amor...


Beiiiijo...
11 Responses
  1. *-Bi-* Says:

    Você está linda!!
    Nas fotos nem parece que está sofrendo, mas força que tudo vai dar certo!!


  2. Mandy Anita Says:

    Oie Sté
    Quase nao passo por aqui, sorry!
    Mas fica firme, eu passei muita coisa na Holanda, mas nao desistir e acabei encontrando minha felicidade na Irlanda, espero muito que vc leve tudo isso como aprendizado e amadurecimento, estou aqui torcendo por ti =)
    Bjao


  3. ti entendo... tem hora q td enche o saco q da vontaade de manda td a merda e ir embora....
    ti entendo entendo e entendo.... passei por isso em uma familia...

    eu tb nunca polpei nada no meu blog.... ja tava cansada dessas meninas na ilusao q aq eh um mar de rosas.... mal sabem elas q sao rosas com espinhos e dos grandes

    respira fundo q falta pouco agora vai ser td super rapido
    bbjs


  4. Fernanda Prado, assina embaixo.
    TOOTAAAAAAAAL! ://

    (http://fefaprado.blogspot.com)


  5. Stéee! OS esteitis só estão te deixando mais linda! ^^ Que barra tu ta passando, e eu que ainda nem visto marquei fiquei apreensiva! FORÇA E NÃO AFROXA!! Vocês que tão ai sao um norte pra gente, eu gosto muito do teu blog! bju


  6. Beth Says:

    respira fundo e só vai..hehe


  7. Mari Morena Says:

    Sorte pra você! Acompanho seu blog sempre.. Serei au pair tbm..chego em fevereiro!!


  8. As fotos estao lindas!
    Eu entendo super bem esse negocio de que quando estavamos no Brasil, sabiamos que nao seria facil, mas estar passando por momentos que nunca imaginou serem possiveis! :/
    Idem ao ultimo comment:
    Respira fundo e soh vai! [2]


  9. Idem ao anterior! rs

    E suas fotos ficaram lindas e eu super entendo isso de que quando estava no Brasil sabia que nao seria facil, mas tb nunca imaginei que viveria certas coisas que viv e estou vivendo aqui! :/

    Beijos


  10. Renata Gomes Says:

    Oi Stéphanii! Venho acompanhando o seu blog faz um tempinho, pois sou uma aspirante ainda! hehehe
    Sei que não tem muito tempo para escrever, devido ao seu dia ser bem corrido. Gostaria, quando puder, que escrevesse algo sobre o seu relacionamento. Como é ficar esse tempão longe da pessoa que você ama. Como vocês lidam com isso?

    É que eu namoro há quase 6 anos e estou numa sinuca com relação à viagem e meu namoro...
    Beijoos!!


  11. Dani Says:

    Oi Sté!!! simplesmente adorei o seu blog!!! estou lendo todas as postagens.. acredito que ainda esse ano esteja indo para os EUA como Au pair tambem...

    uma amiga minha me indicou a comunidade de vcs fiz o cadastro porém ainda nao fui aceita...

    Tenha força por ai... todas as dificuldades são para um bem maior!!!

    beijos